Em maio de 2013 começam as primeiras conversas sobre um projeto. A idéia era que juntassemos musicalmente tudo que vivemos em nosso dia a dia. Cinco amigos resolvem se encontrar com seus instrumentos e tocar, tendo como base suas influências em comum, falando sobre assuntos políticos e cotidianos.

De primeira já sentimos que a química da banda surgiu de uma forma legal, e isso foi muito importante para dar sequencia ao trabalho. Após alguns meses de ensaios e produção, em 24 de agosto acontece o primeiro show. Uma experiência muito boa de cara, ao lado de muitos amigos que foram e são essenciais para a banda desde que começamos as atividades.

Após esse início, foram surgindo alguns convites e tocamos em diversas cidades no interior de São Paulo. Podemos dizer que hoje, graças ao Afoite, conhecemos grande parte dos municípios nas proximidades de Sorocaba, além de muitas pessoas, organizadores e locais. Tivemos dezenas de experiências boas e pouquíssimas coisas para se lamentar. Levamos tudo sempre como aprendizado, e cada vez mais temos a convicção de que a banda está no caminho certo.

No ano de 2015 conseguimos dar um grande passo com o lançamento do nosso primeiro EP, intitulado “Do Cinza ao Concreto”, produzido de forma totalmente independente pelo nosso parceiro Robson Dionisio (Toxic Carnage), e ficamos realmente impressionados com essa produção que particularmente nos agradou muito. Além disso, o que também nos deixou muito entusiasmados foi o fato de conseguirmos lançar nosso primeiro vídeo clipe, com produção e filmagem pelo nosso parceiro Dhyego Xinxilah (Xinxilah Photos), o que foi bastante positivo para nossa trajetória.

O mais legal e satisfatório desses lançamentos foi que conseguimos fazer cada um deles com amigos próximos e desenvolver tudo de forma DIY com as poucas ferramentas que temos, de maneira humilde mas com muita força, e ainda pretendemos alcançar muitos outros objetivos e metas, a luta não acabou e deixamos claro que sempre iremos trazer novidades; a engrenagem sempre irá girar, pois o dia em que não girar será a hora de parar. Esperem por grandes novidades.

Tudo sempre deu certo porque fomos pacientes, trabalhamos duro, nos esforçamos, fomos atrás, contamos com amigos, namoradas, esposas, irmãos, etc. Esse projeto é algo muito positivo em nossas vidas e queremos levar ele por muitos anos, e agradecemos o interesse sempre.

Obrigado.